Estou vivo!

Histórias da Nossa Terra 

ilha de moçambique lucila runnacles
Eu era um menino sem interesse pela vida, tudo me irritava, queria ser algo diferente que me desse facilidades de viajar, ser poderoso, estar em todo o lugar sempre que me apetecesse. Um destes dias fui dormir e acordei em todos os lados; EUA, UK, Dinamarca, Holanda, Etiópia, Iraque, Moçambique, casa de rico, de pobre, na cadeia, nos hospitais, nos bancos, nos palácios presidenciais, nos caixões, na mortuária. Epa! Tentei perceber o que era eu. Continue reading →

Anúncios

Como dói

Histórias da Nossa Terra 

lichinga
Meus pais, pacatos cidadãos de uma aldeia, eram tão apaixonados que se comprometeram através das leis costumeiras de fidelidade até a morte. Eles tinham uma machamba onde produziam o suficiente para se alimentarem e o excedente vendiam na pequena banca que tinham em frente da casa. Uma parte do pouco que conseguiram poupar, compraram o orgulho da nossa tribo, um rádio e uma bicicleta.  Continue reading →

Os doutores (deuses) do destino

Histórias da Nossa Terra 

lago do niassa

Fui um menino sortudo, nasci numa maternidade com água e luz, um privilégio que muitos meninos da província do Niassa não têm. Sortudo por ter uma rede mosquiteira, para que os mosquitos da malária não viessem me dar as boas-vindas.

Aos 8 anos eu já frequentava a 3ª classe e por mais incrível que pareça, eu sabia escrever meu nome, o que também foi um privilégio. A nossa turma era de 200 alunos e apenas dois sabíamos escrever.

Continue reading →

Toda caminhada começa com o primeiro passo

Olá a todos.

Este vai ser o novo espaço da Estamos para a publicação de textos, notícias, fotos e eventos, um lugar mais informal para trocarmos opiniões.

A ideia é compartilhar informações e conhecimentos com todos vocês.

E para a inauguração do nosso blog, o diretor-geral da Estamos, Feliciano dos Santos nos conta uma história (real) que nos faz refletir. Esta seção vai se chamar Histórias da minha terra.